De 9 junho a 6 agosto de 2016 / 1:05h - 0:05h
Mauro Motta afirma: Se alguém tentou ajudar o Tim Maia esse alguém foi Roberto Carlos. O resto é conversa fiada!

Mauro Motta afirma: Se alguém tentou ajudar o Tim Maia esse alguém foi Roberto Carlos. O resto é conversa fiada!


Obs.: Mauro Motta autorizou ao redator Derbson Frota a transcrição da mensagem:

Para meu amigo Fábio "Stella":

Querido Fábio, com todo respeito que você me merece, no especial do Tim, valeu por você, amigo e companheiro leal das horas e momentos difíceis... Mas a história do Tim é muito mais do que tantos factoides e dados imprecisos da narrativa do Nélson Motta. Ele já errou feio quando da historia do Raul Seixas. Não satisfeito, errou agora também. O Tim deve estar bem chateado, pra não dizer puto... 
No episódio de 68/69, Roberto Carlos x Tim Maia x gravação, quero dar o seguinte depoimento: 
Eu estava na sala do Sr. Evandro Ribeiro, presidente da CBS, junto com o Roberto Carlos, e o Roberto pediu demais para que ele desse uma oportunidade para o Tim gravar, falando do seu talento. Evandro não quis de jeito nenhum! 
Alguns meses depois, como um replay, estávamos informalmente na mesma sala, Renato Barros, eu, Roberto e o Sr Evandro, e o Roberto pediu mais uma vez pelo Tim, a ponto de deixar o Evandro meio zangado. 
O Renato também pediu, eu também. E quando todos saíram, fiquei só com o Evandro. Ele nada me perguntou e pediu que a secretária, Dona Maria Emilia chamasse o Jairo Pires, na época produtor da CBS. Jairo chegou e ele, Evandro, mandou gravar um compacto simples com o Tim, que também jamais foi divulgado. De um lado a musica "Meu país". O outro lado uma canção em inglês. 
Resumo: há alguns meses atrás eu relembrava com o Roberto esses momentos e desse testemunho que dou aqui, fazendo justiça ao empenho e respeito do Roberto pelo Tim, pessoal e musical. Se alguém tentou ajudar o Tim nessa caminhada de início, para que ele gravasse, esse alguém foi Roberto Carlos. O resto, é conversa fiada...
 
Agradecemos ao produtor Musical Mauro Motta a autorização para a transcrição da mensagem.